terça-feira, 7 de junho de 2011

Jean Wyllys no "De frente com Gabi"



Gente cansei de falar mal de deputados homofóbicos, cansei de ver na tv essas pessoas proferindo e disseminando o preconceito abertamente e inclusive conseguindo fazer com essas posições sejam ouvidas e absorvidas como verdades. Então, parei e pensei porque não dá espaço e voz para aquelas pessoas que vem defendendo a inserção do respeito ao direito que nós que somos gays, lésbicas, tansgeneros e travestis. Ontem eu assisti uma entrevista tão esclarecedora e tão lúcida que vale a pena ser reproduzida aqui.

Ontem o Programa De frente com Gaby teve como convidado o grande deputado baiano Jean Wyllys.

No programa ele conta sua historia, sua infância pobre e  como ele conseguiu superar tudo isso através da educação.




Conta toda a sua luta na defesa dos Direitos Humanos, nao só de nós que somos Gays, mas também lutando pelo direito de indígenas , além de falar um pouco sobre uma pos criada na minha facul de pós em Direitos Humanos. Em como os políticos sao vistos no país. Como ele se relaciona com os demais deputados, como os homossexuais são tratados. Vale a pena!



"Você pode até discordar de determinadas formas de vida, mas não pode negar os direitos dessas pessoas". Genial, não?!

É muito esclarecedora a entrevista gente, assistam!



E é disso que o país precisa de pessoas que ´pensam o país e que querem melhorar efetivamente a realidade do nosso país.
Siga-nos no Twitter e fique por dentro de muitas novidades!

2 comentários:

Anônimo disse...

Acredito que preconceito se combate com educação, esta é a principal arma para ascensão social de negros e homossexuais,como negra e lésbica tenho certeza que somente ocupando cargo de poder nós seremos respeitados.
Apoio o projeto de emenda constituicional para legalizar o casamento civil de LGBTT,não podemos nos contentar só com o direito a união estável pois a mesma não dá aos casais total proteção patrimonial.

Mãfins

Carina oq se leva da vida, é a vida q se leva disse...

Eu assisti tb (meu querido armário)ele é realmente incrivel, genial, gostei demais da entrevista foi tão interessante não consegui desprender-me um segundo da televisão. Se todos pensassem como ele o mundo seria diferente. Ele conseguiu passar com tanta clareza, mais sem desrespeitar a opinião de ninguém. Parabéns para o Jean, ele conseguiu chegar lá.