sexta-feira, 29 de abril de 2011

LIVRE....


Dizem que quando o relacionamento acaba devemos ficar um tempo de “resguardo” por respeito à pessoa que estávamos juntos. Mas eu não! Eu não  fico de resguardo.  Fico de luto! Luto pela morte desse amor  no meu coração. Mas não a morte definitiva do amor dentro de mim, mas a morte de todo o significado que aquele amor um dia representou na minha vida .

Esse é o momento de reestruturar tudo que ficou bagunçado, é o momento de “arrumar a casa”, se cuidar, cuidar do cabelo, do seu corpo,  da sua alma e principalmente do seu bem-estar!! Esse momento é seu! É o seu momento para você mesma! Para viver para si, sem se preocupar se o outro vai gostar de tal restaurante, ou se quer mesmo sair para aquele bar, ou se quer só ficar em casa comendo pipoca e assistir ao algum filme.

Pra mim esta é a melhor parte do termino, se você passar por tudo isso saudavelmente as portas se  abrem para novas pessoas na sua vida! Você fica mais bonita e requisitada!

Hoje eu não ia escrever nada aqui no blog, mas descobri que tenho leitoras que entram no blog todos os dias , quase como um ritual, e para não chateá-las decidi escrever sobre o fim do meu luto.

Estou definitivamente livre!! Meu coração está limpo e organizado à espera de alguém que queira ocupar essa vaguinha! Viu leitora?! Rsrs (Ela sabe que é pra ela!rs)
Siga-nos no Twitter e fique por dentro de muitas novidades!

3 comentários:

Anônimo disse...

bom, não era pra mim, mas tb faço o ritual de entrar aqui quase todo dia heheh

Anônimo disse...

Entendo bem esta fase, terminei um relacionamento há 2 meses e estou passando por isso. No início é complicado, é nostálgico... Mas agora entendendo que é preciso tirar um tempo e organizar tudo, rever conceitos, se amar mais... Abrir os olhos para novos acontecimentos.
Assim como diz Fernando Pessoa: “[...] Encerrando ciclos. Não por causa de orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida. Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é. Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão”.

Beijo.

Ni*

Carina oq se leva da vida, é a vida q se leva disse...

Nossa amei suas palvras Ni, isso mesmo tudo chega sempre por alguma razão.
Conheci esse blog a pouco tempo, e estou gostando bastante (meu querido armário)preciso de algum nome pra vc cria um please u.u.
Se eu entro, visito todos os dias um blog é por que gosto muito dele, ñ como um ritual mais por quero, sempre tem coisas que acontecem no nosso dia a dia que nos dá uma nova opinião, uma experiência nova acontece. E ai queremos compartilhar, dividir, como no seu caso (meu querido armário). É claro que quando tem um novo post ficamos mais felizes né.
Saiba que vc tem agora uma nova seguidora, e mesmo que muitas das que entram não comentem,não importa, lembre-se que alguém precisa do seu blog e da sua ajuda para se descobrir, suas dúvidas, experiências conceterza são as mesmas de muitas. bju